Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 10 de julho de 2012

Será que o amor é cego?


Um certo dia, um garoto cego, que era isolado pela sociedade por ser cego e feio, se apaixonou por uma garota cega, mas muito bonita. A menina em seguida se apaixonou pelo garoto, porque ela achava ele a pessoa mais incrível do mundo, dono das palavras mais incríveis. As pessoas, vendo os dois juntos, se perguntam "como pode uma menina tão bela namorar um cara feio desse jeito? só pode ser cega mesmo."
Mas esse é simplesmente o detalhe que faz toda a diferença. As pessoas limitam seus sentimentos, por causa da visão. Elas escolhem a dedo a quem amar, e depois tentam a sorte com o objetivo de serem correspondidos. Elas preferem "amar" com os olhos do que com o coração. Mas se você fechar os olhos por algum tempo, e simplesmente sentir, você encontrará o verdadeiro significado do amor. Não é que o amor seja cego, como nos ditados, mas o que acontece é que as pessoas que são cegas e jogam a culpa no amor. Enquanto algumas tem visão e não sabem amar, porque vêem e julgam antes de sentir, outras não tem visão e simplesmente amam, porque não precisam julgar pra poder sentir.
Se o mundo amasse com o coração ao invés dos olhos, talvez não existisse padrões de beleza, talvez não existisse essa enorme e injusta diferença, que tira a sua oportunidade de amar as pessoas pelo que elas são. Todos merecem amar e serem amados. Ás vezes as pessoas que você mais julga, podem ser as pessoas que mais lhe entendam, que mais queriam estar perto de você.

feche seus olhos, abra seu coração. 




® Saulo Ribeiro

Um comentário:

M@RY disse...

Ouvi esses dias de um amigo que na verdade esses sentidos como , visão, tato, paladar e audição... são os sentidos da paixão, o sentido do amor é o olfato, pois, o cheiro de alguem jamais deixa de existir para nós, o cheiro do amor, o cheiro de quem amamos *---* adoreii