Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Aquilo que é raro, quase nunca é notado.




Muitas vezes nos deparamos com coisas raras, que geralmente não são valorizadas. Aquilo que é raro é aquilo que é sábio. As pessoas tem o intuito de se atrair pelo "diferente", por tudo que é novo. Porém, algumas pessoas, com o tempo, criam certos tipos de dogmas, conceitos moralistas e acabam se tornando só mais um em uma sociedade mentalmente igual.
Me pergunto "Por que será que pessoas que pensam a mesma coisa geralmente não são vistas na sociedade e pessoas raras que trazem consigo uma forma de pensar diferente, geralmente se destacam dentre todos?"
Exceções. Essa é a resposta.
Porque não prestamos atenção nas exceções? Simplesmente se deixam levar por pensamentos alheios, sem formular o seu próprio. Raras são as pessoas que nasceram pra trazer ao mundo pequenos feixes de luz, para que o céu não se torne tão escuro futuramente.
São como estrelas, que brilham diante de um céu negro de tantas outras estrelas iguais que nunca brilharam.

Você pode ser raro! Todos podem se tornar raros e mesmo assim não entraríamos numa igualdade. O que é raro, é único.
Você também?



® Saulo Ribeiro.




2 comentários:

Stéphanny Karolliny disse...

como você consegue escrever tão bem ein *-* ? é como se fosse eu ali, você traduz os pensamentos de muitas pessoas, parabéns saulo ♥

Marcia disse...

Parabéns pela postagem!
Concordo com as suas palavras, hoje o mais importante é assumirmos a nossa verdadeira essência, nossa identidade; no meio de tantos ditadores de regras e mesmismos, o ser fica inseguro e confuso em se assumir e ser diferente, tornando a sociedade numa massa por igual. Linda foto!
Bom dia e muita paz!